quarta-feira, 14 de abril de 2010

























"Fiz a escalada da montanha da vida, removendo pedras e plantando flores"

(Cora Coralina)

"NUNCA HIPOTEQUEI MINHA ALMA NEM MEU CORPO.
TUDO QUE CONSEGUI NA VIDA FOI COM MUITO
TRABALHO, MUITA LUTA E MUITAS
LÁGRIMAS(OCULTAS)..."

Lúcia Gönczy

7 comentários:

  1. Trayectoria

    no quiero la recompensa
    de los reconocimientos
    [póstumos]
    quiero el aquí y el ahora
    el instante, el acto
    las cosas que fragmentan
    como la fragilidad de las mariposas
    y los puentes que reconstruyo
    con la fuerza de un león
    [a cada momento]
    sin mirar atrás

    Lúcia Gönczy
    traducción al castellano Leo Lobos
    Santiago de Chile, 14 de abril de 2010

    ResponderExcluir
  2. Este esforço nunca será em vão
    Seu corpo não combina com solidão
    Por dentro e em volta de ti
    Há muitos corações
    Envonvendo e envolvidos

    ResponderExcluir
  3. Tudo de bom pra vc minha poetisa linda!!!!
    Bjuuuuuu
    Vivizinha

    ResponderExcluir
  4. Tocante a poesia Lúcia. Siga em frente, linda, forte e charmosa como você é.
    Beijosss

    ResponderExcluir
  5. Imagem linda de sim mesma, apesar do mundo. Adorei!

    ResponderExcluir
  6. OI LUCIA TUDO BEM?
    BELO BLOG, BELOS POEMAS OS SEUS - ADOREI.
    MUITO SUCESSO E FELICIDADES PARA VOCÊ.
    ETHEL WEITZMAN

    ResponderExcluir
  7. Oi querida!
    Que lindo blog! Parabéns!
    Beijão e sucesso.

    ResponderExcluir